MARIA JOÃO MATOS (CANTO) & SERGHEI COVALENCO (PIANO)

17 DE ABRIL 2016 . 17H00

CICLO DE RECITAIS 2016
Parceria com a CM Porto

Local . Museu Romântico da Quinta da Macieirinha

ENTRADA LIVRE

Consulte aqui toda a nossa programação 2016


Textos . Ana Luísa Amaral
Leituras . Rute Pimenta

Maria João Matos . Canto
Natural de Braga, iniciou os seus estudos musicais no Conservatório de Música C. Gulbenkian de Braga, na classe de canto da professora Inês Sofia Fernandes.
Licenciada em canto na classe do professor José Oliveira Lopes na ESMAE, foi-lhe atribuído o prémio Eng. António de Almeida por ter concluído a licenciatura com a classificação mais elevada.
Foi bolseira da “Yamaha Music Foundation of Europe” e foi premiada em vários Concursos Nacionais e Internacionais destacando-se 2º Prémio no Concurso Nacional Luísa Todi (2003), “Prémio Helena Sá e Costa” (2006) e “Prémio Lied” no I,  II Concurso Internacional Ciudad de Zamora (2007 e 2008) e 1ª Classificada no Projecto Luísa Todi – Jovens Clássicos (2015).
No âmbito do repertório operático cantou o papel de Condessa das “Bodas de Fígaro” de Mozart, Gretel de “Hansel und Gretel” (versão portuguesa) de Humperdinck, Mimi de “la Bohème” de Puccini (Espanha) e Donna Anna de “Don Giovanni” de Mozart (Eutiner Festspiele - Alemanha).
Apresentou-se em Portugal, Espanha, França, Itália e Alemanha, sob a direcção dos maestros, Cónego Ferreira dos Santos, Filipe Veríssimo, J. Ferreira Lobo, R. Taccuchian, Miguel del Castillo, Juliàn Lombana, Johannes Skudlik, Martin André, Toby Hoffman, Pedro Neves e R Piehmayer.
É docente de canto no Conservatório de Música de Barcelos.
Desde 2006, tem aulas particulares de canto com o tenor Francisco Lázaro em Barcelona, com quem trabalha regularmente no aperfeiçoamento de técnica vocal e repertório. 

Serghei Covalenco . Piano
Artista emérito da República da Moldávia, onde nasceu.
Após curso superior no Conservatório de Kichinev, doutorou-se no Conservatório de S. Petersburgo, na classe do grande pianista Pavel Serebriocov.
Posteriormente foi-lhe atribuído o grau de Prof. Catedrático em piano e arte de acompanhamento pelo Conservatório Tchaikowsky de Moscovo.
Laureado por diversas vezes, salientando-se:
1º Prémio no Concurso Nacional de Kichenev, Moldávia
3º Prémio no Concurso Internacional de Vilnius, na Lituânia e o 1º Prémio no Concurso internacional de Kichenev.
É, frequentemente, convidado para integrar júris de concursos nacionais e internacionais como solista, apresentou-se em várias cidades, da ex- URSS e também nos Estados Unidos da América, Alemanha, França, Bulgária, Portugal, Brasil e Tunísia.
Fez MasterClasses  na Academia de Música de Bucareste, em Manheim, Grenauble, Kichinev e no concurso internacional Dinu Lipatti e internacional de Brasilia.
De 1975 a 1993, foi professor no Conservatório de Kichinev tendo sido director da Cátedra de Piano.
Entre 1993 e 1995 leccionou na fundação Carlos Gomes em Belém Brasil e foi professor nos Conservatórios  de Música do Porto e da Maia.
Foi docente da cadeira de piano de licenciatura em Música da Escola das Artes da UCP em 2005 e professor do Conservatório de Barcelos até 2014.
Atualmente é professor de piano na Academia de Música, Teatro e Artes Plásticas em Kichinev.